Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Procura turística continua a aumentar em Esposende

Peregrinos  caminho de santiago 1 1024 2500
09 Outubro 2017

O mercado turístico de Esposende continua a ser fortemente impulsionado pela gradual e crescente procura de visitantes. No final do verão, os serviços de turismo de Esposende apontam resultados que superam os melhores auspícios, ultrapassando as estatísticas dos anos anteriores, em todos os parâmetros. Com efeito, faltando contabilizar três meses de 2017, os números subiram em todos os índices, sendo elucidativo o crescimento de turistas que procuraram informação, junto do Centro de Informação Turística: se, no final de setembro de 2016, foram 44,123, este ano fixam-se em 46.136, referente a período homólogo.

Estamos assim perante uma evidência: Esposende consegue aumentar, de forma excecional e consolidada, a procura turística do concelho. Nesta contabilidade, adquire papel importante o crescimento da procura por parte de peregrinos que fazem os Caminhos de Santiago. A três meses do final do ano, o Albergue de São Miguel de Marinhas registava um total de 5.023 dormidas, ou seja, mais 1,908 que o número total de peregrinos do ano de 2016.
De facto, o Município de Esposende tem investido na divulgação do Caminho de Santiago da Costa, melhorando alguns dos percursos que se apresentavam mais degradados e contribuindo para o alargamento da oferta de serviços a estes turistas, facilitando e apoiando a iniciativa particular, como é exemplo a barca que passou a cruzar o rio Cávado, entre Fonte Boa e Gemeses, na Barca do Lago, ou o aparecimento de novas formas de alojamento, como hostel’s.
Desde a inauguração, em maio de 2011, o Albergue de Marinhas regista um crescimento de 241%. Se em 2012 acolheu 336 peregrinos, prevê-se que no final de 2017, o total deverá rondar as seis mil dormidas.
Quanto às visitas no Castro e Centro Interpretativo de S. Lourenço, no final de setembro registava-se a passagem de 9.349 pessoas pela unidade museológica, números bem distantes dos 1.357 registados no ano em que abriu, em 2009.
Também nas redes sociais, a procura de informação e acompanhamento das atividades de Esposende tem verificado um crescimento significativo. De 2015 (3634) para 2016 (8045), o número de «gostos» na página do Município no Facebook tem aumentado sem parar, atingindo 11.305.
Estes números revelam o quão assertiva tem sido a política de divulgação e marketing territorial desenvolvida pelo Município de Esposende, traduzindo-se em benefícios económicos para as empresas locais e contribuindo para a criação de postos de trabalho.
Em termos de ocupação hoteleira, as sete unidades existentes no concelho de Esposende registaram, em finais de agosto, um total de 80,289 dormidas, mais 5,278 que em igual período de 2016.